Fonte: Redação

07/12/2015


Bandidos mortos e preso em Salto do Lontra tinham ligação com crimes em Realeza e Santa Izabel do Oeste


Pelo menos três crimes praticados no interior de Realeza, Santa Izabel do Oeste e Ampére, têm ligação com os dois bandidos mortos e um preso pela Polícia Militar na noite de sábado (05) em Salto do Lontra.

 

Os roubos a mão armada tinham a mesma característica, o trio chegava à residência na área rural, rendia os moradores e os amarravam, levando dinheiro, objetos e fugiam no veículo das vítimas.

 

Na noite de sábado, às 21h45, policiais militares em patrulhamento na Avenida Nicolau Inácio, em Salto do Lontra, avistaram uma caminhonete Toyota Hilux, placas de Ampére, parada em um estabelecimento comercial. 

 

A equipe da PM tinha conhecimento do roubo da caminhonete ocorrido no interior do município de Ampére, horas antes, e na tentativa de realizar a abordagem, o condutor saiu em marcha ré e colidiu com outro veículo que transitava pela via. 

 

Ao perceber a aproximação dos policiais o condutor tentou novamente arrancar a caminhonete sobre a equipe. Os policiais efetuaram um disparo no pneu traseiro, momento em que os ocupantes desembarcaram. 

 

Um dos ocupantes efetuou disparos contra os policiais, atingindo o colete do soldado na altura do abdômen e na mão esquerda, causando ferimento. 

 

Os policiais revidaram acertando dois bandidos, o primeiro, identificado como Juliano Bernardo da Silva, o Julianinho, morreu no local, e o segundo, Paulo Cesar Viana Prudente, popular Russo, 18 anos, que foi socorrido, mas morreu no Pronto Atendimento de Salto do Lontra.

 

Uma jovem, namorada de Juliano, também foi atingida, sendo encaminhada ao Pronto Atendimento de Salto do Lontra e posteriormente a Francisco Beltrão, onde continua internada. O quarto indivíduo fugiu a pé, atirando contra os policiais. 

 

Policiais Militares de toda a região se deslocaram em apoio a equipe de Salto do Lontra, e localizaram o foragido, Marcos Rios Cordeiro dos Santos, o Polaquinho, 21 anos. Ele foi preso e encaminhado à delegacia local. 

 

Os corpos de Russo e Julianinho foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Francisco Beltrão. A Criminalística e Polícia Civil também estiveram no local do ocorrido.

 

O trio residia em Santa Izabel do Oeste atualmente, e estavam com mandado de prisão preventiva em aberto acusados pelos crimes de roubo.

 

 

Fotos da internet e Ivania Bonatto (Diário da Informação)

 

Compartilhe: