Fonte: Assessoria

10/03/2016


Samu completa três anos e apresenta números de atendimentos


No domingo, 21 de fevereiro, o Samu 192 Sudoeste completou três anos de atendimentos no Sudoeste. São 1.095 dias ininterruptos, em que as equipes ficaram de plantão 24 horas por dia e sete dias por semana. O Samu 192 age atendendo em todo o território sudoestino, independentemente do local onde a vítima resida. Uma vez ocorrendo uma emergência e o Samu 192 for acionado dentro do território dos 42 municípios, irá prestar atendimento.

As bases do Samu são organizadas de forma estratégica, mas para servir a todo o Sudoeste.

Mesmo estando com base em dez, dos 42 municípios, os relatórios permitem confirmar que as ambulâncias do Samu 192 - Bravo para a USB (Unidade de Saúde Básica) e Alfa, para USA (Unidade de Saúde Avançada) - vem percorrendo todos os municípios do Sudoeste. Apesar de as ambulâncias do Samu já terem circulado e atendido em todos os municípios, naqueles em que há Base do Samu, a população tem mais o hábito de acionar, em caso de emergência.

Percebe-se, assim, que a quantidade de atendimentos reflete também a conscientização da população em relação a chamar e usar o Samu 192, diante de uma emergência, ou seja, o número de atendimentos é mais reflexo do hábito de contar com o serviço, do que propriamente da permanência ou não de base próxima. Neste ponto, as campanhas de utilidades públicas elaboradas pelo Samu que contou com a parceria dos meios de comunicação fez toda a diferença. Ou seja, o morador lê na internet, na revista e no jornal, vê o apresentador ou escuta no rádio como acionar o Samu pelo 192, e automaticamente liga em caso de emergência.

Por isto, existem inúmeros casos em que os atendimentos foram realizados fora do município, ou seja, a vítima reside, por exemplo, em Bom Jesus do Sul, mas estava em viagem por Barracão, precisou de atendimento e foi acionado o Samu 192, que prestou os atendimentos.

Por essas e outras, que os municípios devem ter o Samu 192 como se tem a um seguro. Um seguro de automóvel, por exemplo, se faz com a intenção de não usar. Contudo, diante de um sinistro ou situação inesperada, pode-se contar para solucionar problemas. No caso do atendimento prestado pelo Samu 192, este problema pode ser caso de vida ou morte.

Natureza dos chamados
É bom lembrar que este texto privilegia unicamente os atendimentos e transferências. Ou seja, nas estatísticas do Samu há diversas naturezas de chamados recebidos. Por exemplo, ao longo de 2015, foram classificados como trote e engano a soma de cerca de 15.ooo ligações.
Transportes e transferências, representam quase 2.00o ocorrências; regulação, informação e orientação somam 7.181 casos. Há ainda o número de 1.084 desistências. Observe a seguir as chamadas recebidas, mês a mês.
 
Mês Total de Ligações
Janeiro        5193
Fevereiro    4779
Março          5094
Abril            4748
Maio            4928
Junho          4820
Julho            5516
Agosto          5989
Setembro     5637
Outubro       5765
Novembro   5429
Dezembro   5674
Total Ano   63.572
 
Atendimentos e Transferências do 2º semestre de 2015
Fechados os dados do segundo semestre do ano de 2015, têm-se que juntas, as dez bases descentralizadas realizaram de julho a dezembro o total de 10.875 atendimentos e transferências. Confira a totalizarão, por bases.
Base SAMU 192 Sudoeste do PR    Total Atendimentos e Transferências    
Base Descentralizada de Chopinzinho        760
Base Descentralizada de Coronel Vivida        554
Base Descentralizada de Clevelândia        437
Base Descentralizada de Dois Vizinhos        768
Base Descentralizada de Francisco Beltrão    2.345
Base Descentralizada de Mangueirinha        413
Base Descentralizada de Palmas            1.144
Base Descentralizada de Pato Branco        3.074
Base Descentralizada de Realeza            847
Base Desc. de Santo Antônio do Sudoeste    533
Total de atendimentos e transferências    10.875

847 ocorrências em Realeza e municípios próximos
No segundo semestre de 2015, a Base Descentralizada de Realeza realizou ao todo entre atendimentos e transferências 847 ocorrências.
Pela localização e área de abrangência, os atendimentos se concentraram principalmente no território e/ou a moradores dos municípios de: Barracão, Bela Vista da Caroba, Bom Jesus do Sul, Capanema, Cruzeiro do Iguaçu, Dois Vizinhos, Enéas Marques, Flor da Serra, Francisco Beltrão, Nova Prata do Iguaçu, Pato Branco, Pérola do Oeste, Planalto, Pranchita, Realeza, Renascença, Salgado Filho, Salto do Lontra e Santa Izabel do Oeste.
De acordo com estimativa do IBGE para 2016, a população de Realeza, município em que está localizada a base, é de 17.023 habitantes.
Pelo fato de a base dispor de ambulância Alfa, a Unidade de Suporte Avançado (USA), há o número de transferências, somado ao número de destinos dos pacientes atendidos de maneira pré-hospitalar.

Mês        Atendimentos    Transf. Bravo11    Transf. Alfa4    Total Aten/Tr
Julho            93            3            35        131
Agosto         90            3            41        134
Setembro        94            7            62        146
Outubro        86            8            40        134
Novembro        97            4            37        138
Dezembro        119            5            40        164
Total            579                                847   

Natureza do Chamado    jul    ago    set    out    nov    dez    total
Clínico            68    78    75    65    44    68
Trauma            34    36    40    31    48    31
Obstétrico            4    7    6    9    8    13
Pediátrico            -    1    3    3    1    4
Psiquiátrico            2    -    -    1    2    2
Outro                1    -    3    -    -    3
Transferência         -    -    5    4    6    7
Afogamento            -    -    -    -    -    1

Compartilhe: