Fonte: Luiz Carlos Bittencourt, assessoria

14/11/2016


Diocese realizou o Dia Nacional da Juventude com 1.200 jovens


Um dia de oração, celebração e convivência marcou o domingo, 30 de outubro, no Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em Santa Izabel do Oeste, com o “Dia Nacional da Juventude”, com o tema: “Juventude e nossa casa comum”. Teve a participação de 1.200 jovens, com início às 9 horas, com caminhada penitencial da Matriz até o Santuário (2 km de distância), com a Oração do Terço. Na sequência houve apresentações dos grupos de jovens por Decanatos, abordando o tema do Ano Santo da Misericórdia e de Nossa Casa Comum (CF 2016). Os jovens tiveram a oportunidade do Sacramento da Penitência com a presença de vários padres atendendo as confissões.

Mensagem de Dom Edgar Xavier Ertl


Dom Edgar, não podendo se fazer presente devido às celebrações de Crismas, enviou mensagem ressaltando a importância do Dia Nacional da Juventude: “Quero saudar de coração alegre e com muita esperança a juventude reunida no Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Que o Dia Nacional da Juventude seja celebrado e vivenciado com alegria e contentamento. Estamos no Ano Santo da Misericórdia e já iniciando o Ano Mariano para a Igreja do Brasil. Caríssimos jovens, hoje vocês estão em um lugar muito especial, no Santuário da Mãe do jovem de Nazaré. Que Ele, Jesus, vos encante sempre mais. Que seu Evangelho seja o vosso itinerário de vida e opção. Que a vida e o modo de Jesus vos encham de novas possibilidades”. Dom Edgar pediu que os jovens promovam a vida com dignidade: “Juventude de nossa Diocese, sejam protagonistas de mudanças, de novas expectativas e de oportunidades, participem da vida eclesial, não deixem vossas comunidades, sejam atuantes onde estiverem”. Sobre a Pastoral da Juventude, Dom Edgar quer um novo impulso nas ações com os jovens em todas as Paróquias, privilegiando com um espaço nobre: “Juventude, sejam sempre discípulos missionários de Jesus e anunciadores de seu Reino”.
Espiritualidade e convivência com os pais

Na parte da tarde, Ricardo dos Santos (Renovação Carismática Católica) proporcionou um momento de espiritualidade, falando aos jovens sobre a importância do relacionamento familiar, finalizando com Adoração ao Santíssimo Sacramento. O encerramento do DNJ foi com celebração da Santa Missa, presidida pelo Pe. Airton Grespan, concelebrada por diversos presbíteros. Sobre o relacionamento dos jovens com os pais, Ricardo dos Santos, ressaltou que foi importante proporcionar esta graça, pois o jovem está atento na dimensão espiritual: “A juventude ou qualquer pessoa que não vive uma espiritualidade, que não busca em Deus a sua força, não vai conseguir levar adiante a missão que Deus lhe confia”. Ressalta Ricardo que é preciso a motivação para a inserção dos jovens na comunidade eclesial, nas pastorais e movimentos onde cada um sente o chamado. Ricardo dos Santos pede aos jovens que continuem na missão: “Não desistam, que nada faça vocês pararem, que Deus vai honrar a fé de cada um”.

Oração e reflexão


Para Débora Regina Pupo, Coordenadora Diocesana do Setor Juventude, a participação, a celebração e a oração fazem parte da vida dos jovens: “Temos a presença de 1.200 jovens para um dia de oração e reflexão, isso prova que a espiritualidade nunca cai de moda. O jovem que faz a experiência nesta sociedade consumista e cheia de tantos atrativos, sente falta de algo mais profundo que dê fundamentos para sua vida, que é a dimensão da espiritualidade e da fé”.

Indulgências Plenárias

Pe. Emerson Detoni, Coordenador Diocesano da Ação Evangelizadora, ressaltou os temas do DNJ, recuperando a Campanha da Fraternidade no cuidado da casa comum e o Ano santo da Misericórdia: “A possibilidade de nossos jovens, através da peregrinação, da confissão, da participação da Eucaristia lucrar as Indulgências Plenárias. A Igreja reflete, neste ano, o amor infinito de Deus, por cada um de nós e de modo especial pela nossa juventude”.

Homilia: “Jovem, reze e cuide de sua vocação”

Na homilia, Pe. Airton, a partir da reflexão do texto bíblico, falou aos jovens que valorizem a vida: “Vocês sonham com muitas coisas, mas cuidem de sua maior riqueza que é sua própria vida, o dom que Deus lhe deu. O sonho de Deus é que sejamos felizes com nossa vida. Jovem, reze e cuide de sua vocação, seja próximo de Deus, viva esse tempo bonito da juventude. Não perca a sua vida para a droga, para a violência e tantas coisas ruins. Cuide-se, você é sagrado, não tenha medo de ser de Deus. Viver bem a juventude não é beber todas, isso é destruir a vida. Jovem, deixe Jesus entrar em seu coração, deixe Jesus fazer uma refeição contigo, deixe Jesus morar na sua casa, que Ele possa cuidar de tua vida. Somos pequenos, fracos, mais Deus quer cuidar de nós”.

Gratidão

Pe. Vagner José Raitz, Reitor do Santuário de Nossa Senhora Aparecida, demonstrou gratidão à Coordenação Diocesana de Pastoral pela escolha do Santuário para sediar o DNJ 2016: “Agradecemos a todos os envolvidos, especialmente os jovens que fizeram acontecer esse dia. É bonito percebermos que a Igreja precisa fazer uma opção afetiva e efetiva pelos jovens. Depois de um encontro como esse, não podemos dizer que a juventude é um problema. Não, a juventude é alegria, é um olhar de amor que pode transformar o mundo”.

Compartilhe: