Fonte: Assessoria Dpto. Esportes

14/11/2016



Encerrou na tarde do dia 03 de novembro no ginásio municipal Arnaldo Busato de Capanema a 5ª Copa Fronteira de Futsal de Base – 2016 onde participaram os municípios de Realeza, Planalto, Pérola D’oeste, Bela Vista da Caroba, Pranchita e Santo Antônio do Sudoeste, municípios estes que fazem parte da fronteira do sudoeste do Paraná. O evento teve seu início em abril com jogos em todas as cidades participantes.

Das cinco equipes inscritas nas categorias projetadas para o evento Realeza participou no masculino com equipes no: sub 10; sub 12; sub 14; sub 16 e no feminino no sub 16 sempre objetivando fomentar a prática do futsal, possibilitando aos atletas o desenvolvimento de suas habilidades.

As nossas equipes recebem treinamento gratuito através do Departamento de Esportes de Realeza, liderados pelo Prof. Valdomiro Pocorni e com o apoio das famílias dos pequenos jovens atletas e com a parceria da Administração Municipal as conquistas vão se efetivando.
No Sub-10 a campanha foi impecável, vencendo todos os oito jogos que disputou. A equipe marcou 57 gols e sofreu apenas 10. O Sub-14 não foi muito diferente, empatou apenas um jogo e venceu os restantes marcando 29 gols e sofrendo 15 gols nos 8 jogos que disputou. Já a equipe Sub-16 conseguiu o vice-campeonato perdendo apenas na final.

Confira a classificação final de todas as Categorias:

Sub - 10 Masculino
Campeão: Realeza
Vice Campeão: Planalto

Sub - 12 Masculino
Campeão: Pérola d Oeste
Vice Campeão: Capanema

Sub - 14 Masculino
Campeão: Realeza
Vice Campeão: Bela Vista da Caroba

Sub - 16 Masculino
Campeão: Capanema
Vice Campeão: Pérola D Oeste

Sub - 13 Feminino
Campeão: Bela Vista da Caroba
Vice Campeão: Pérola D Oeste

Sub - 16 Feminino
Campeão: Pranchita
Vice Campeão: Realeza

O prefeito Milton Andreolli falou sobre estas conquistas: “Estamos investindo no esporte para gerar novos craques, descobrir novos talentos, mas especialmente investir em futuros cidadãos realezenses, pessoas de bem, atletas na sua essência, com espírito de competitividade e também de humanidade”.

Compartilhe: