Fonte: Redação

19/12/2016


Homem agredido e roubado, e furto de celulares em loja de Realeza


No sábado, dia 17, por volta de 4 horas da manhã, compareceu no 3º Pelotão da Polícia Militar de Realeza, um homem alegando ter sido agredido e roubado, por três jovens, sendo dois homens e uma mulher.

Aos policiais a vítima disse que conheceu um dos agressores no dia, e foi convidado para ir a um bar no Centro da cidade, chegando ao local os outros dois agressores estariam neste bar e após se aproximarem, os três entraram em luta corporal com a vítima, ferindo-o no rosto, causando um corte acima da sobrancelha esquerdo, pescoço e braços, ocasionando, alguns hematomas e ferimentos.

Ainda segundo a vítima, após tentar se defender das agressões, um dos homens o segurou enquanto a mulher pegou dinheiro de sua carteira, em torno de 300,00 reais. O agredido conseguiu se desvencilhar dos agressores e sair do local com seu veículo enquanto os agressores fugiram.

Os dois homens agressores chutaram e com um objeto riscaram a lataria na parte traseira do veículo. Segundo a vítima, no meio da confusão a agressora deixou cair o celular no banco de seu carro, o qual foi entregue a Polícia Militar.

A equipe da PM realizou buscas nos bairros próximos, porém ninguém foi localizado. O agredido foi orientado sobre os procedimentos cabíveis.

Furto de celulares em loja de Realeza

No sábado, dia 17, por volta das 05h30, policiais militares de Realeza foram acionados para uma ocorrência de furto. A vidraçaria de uma relojoaria na Avenida Bruno Zuttion foi quebrada com uma pedra.

O proprietário informou aos policiais que foram furtados alguns aparelhos celulares sendo todos da marca Samsung, dois do modelo J7, dois do modelo J2, e um do modelo J3.

Foi registrado o Boletim de Ocorrência, e realizado patrulhamento, mas nenhum suspeito foi localizado.

Compartilhe: