Fonte: Redação

16/11/2017


Tentativa de rebelião na cadeia em Realeza


Presos que estão no Setor de Carceragem Temporária (SECAT) da Delegacia da Polícia Civil da Comarca de Realeza tentaram se rebelar na manhã de terça-feira (14), por volta das 11 horas.


Policiais civis solicitaram apoio da Polícia Militar, e retiraram os presos ao solário, sem resistência dos detentos. Equipes da PM de Realeza, Santa Izabel do Oeste, e Capanema participaram da ação.


No local, os policiais constataram que além da gritaria dos presos, havia danos na estrutura das celas, e cobertores incendiados no corredor.

Os policiais realizaram varreduras no interior das celas, e no solário fizeram a contagem de 26 detentos, os quais estavam sentados em fileiras até a chegada do Juiz de Direito da Comarca de Realeza.

As equipes da PM permaneceram realizado a segurança no local. Os presos fizeram suas reivindicações, e retornaram de forma pacífica e organizada para as suas celas.

Segundo o delegado Lucas Mariano Mendes, os presos tentaram se rebelar após a decisão do corte de visitas no dia, por questões disciplinares.

A carceragem está com superlotação, sendo que legalmente deveria abrigar provisoriamente seis detentos, e hoje conta com quase 30 presos. Além disso, não conta com agente carcerário durante os dias da semana.

Compartilhe: