Fonte: Assessoria

22/08/2018


Entidades aproveitam período eleitoral para reforçar pedido por melhores rodovias


As seis instituições que trabalharam na elaboração da Carta do Sudoeste também estão encabeçando uma campanha para mobilizar a sociedade sobre a necessidade de melhoria das estradas da região. A campanha SOS Rodovias começou a circular nesta semana em outdoors espalhados em vários pontos e pretende chamar a atenção dos eleitores para o compromisso dos candidatos com a modernização das principais estradas do Sudoeste.

 

 

 

“A questão da melhoria das rodovias é hoje uma das principais necessidades da nossa região e, como estamos vivenciando o período eleitoral, queremos colocar este tema em pauta, ter o compromisso dos candidatos e a atenção dos eleitores”, explica o presidente da Amsop (Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná) e prefeito de Santa Izabel d’Oeste, Moacir Fiamoncini.

 

 

 

Além da Amsop, integram a campanha o Irdes (Instituto Regional de Desenvolvimento Econômico e Social), a Cacispar (Coordenadoria das Associações Comerciais do Sudoeste), a Agência de Desenvolvimento, Grupo Gestor do Território e Acamsop, que representa as câmaras de vereadores da região. O conceito e a produção da campanha foram elaborados pela Fadep (Faculdade de Pato Branco).

 

 

 

Inicialmente, outdoors foram instalados no Corredor Sudoeste, principal via da região e que liga Realeza a Palmas. Ao longo do período eleitoral, mais placas devem ser instaladas em outros pontos considerados estratégicos e em parceria com empresas e instituições, além de postagens em redes sociais e material impresso. As mensagens cobram melhorias e pedem o comprometimento dos candidatos com a questão.

 

 

 

Na Carta do Sudoeste, o principal pedido também é pela modernização da malha viária, especialmente a recuperação do Corredor Sudoeste. O documento, que será entregue aos candidatos, também contempla melhorias no chamado Corredor da Produção Avícola, que liga Capanema a Chopinzinho.

Compartilhe: